segunda-feira, 30 de maio de 2016

Leo Vieira: Escritor/Blogueiro Vendedor

A profissão mais antiga do mundo! Mais antiga até mesmo que a prostituição, porque antes de tudo, a prostituta teve que vender o seu serviço sexual. Por isso, a venda é uma profissão responsável pelo rumo do planeta. Todos nós somos vendedores. Durante a vida, todos vendemos coisas, mesmo que involuntariamente e despercebidamente.
Todo mundo "se vende" (no bom sentido). Nós criamos uma aparência para sermos "comprados" no mercado de trabalho. "Se vender" é bem diferente de "ser vendido". Não podemos nos deixar ser vendidos pela situação.
Quando um profissional se especializa, ele está fazendo uma somatória de pesquisas e aprendizados para colocar em prática no momento certo. Um livro é um resultado de pesquisas.
O escritor está lapidando o seu produto para a venda. Ele precisa vender para poder caminhar melhor na carreira. Um blogueiro também está preparando o seu produto (os blogs) para poder mostrar o seu potencial a ser vendido, em busca de patrocínio.
Talvez até mesmo o escritor pode pensar que não deve vender e que essa função caberia somente à vendedores. Mas devemos saber também que quanto mais nos especializamos, mais amplo fica nosso horizonte para conquista de espaço. Precisamos fazer a diferença!

Leve sempre alguns livros na mochila. Sempre que houver oportunidade, fale de seu trabalho. Sempre haverá uma oportunidade para vender o seu livro. Acredite nisso.
Leo Vieira

Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

segunda-feira, 23 de maio de 2016

É Errado Outras Mídias Ocuparem as Prateleiras?

Você acha errado que a Disney venha ocupar as prateleiras com romances da série Star Wars, além de adaptações das aventuras Marvel em forma de livros?
Você também acha errado que biografias de jogadores de futebol, além de celebridades virtuais tenham espaço nas livrarias?
Se você acha que sim, então você está errado por achar que isso está errado.

Nosso mercado editorial é democrático e não pode restringir espaço para outras categorias literárias nacionais e estrangeiras, sejam elas romances, biografias entre outras.
A Disney investe centenas de milhões para adaptar seus produtos para inúmeras plataformas, como quadrinhos, cinemas, brinquedos, roupas, desenhos animados e não poderia ser diferente nos livros. Desta mesma forma, as editoras, distribuidoras e livrarias, apostando no grande potencial de vendas, andarão juntas no investimento e lucro.
As biografias de jogadores de futebol, além de políticos, artistas e celebridades virtuais além do potencial de vendas, também despertam curiosidade dos leitores pelo seu exemplo comercial e publicitário. Existem inúmeros profissionais por trás deles trabalhando e lucrando com isso.
Há um jogo comercial muito grande envolvendo muitas empresas prestadoras de serviço.
As óticas das editoras, gráficas, distribuidoras e livrarias sempre foram e sempre serão comerciais. Elas não vão sustentar sonho de escritor sem que isso tenha uma vantagem maior para o lado delas.

Existe uma vida muito complexa quando se quer correr atrás de seus sonhos profissionais, literários e artísticos.
Profissionais investem tempo e dinheiro para conquistar um patamar que muitos escritores nacionais julgam errado (e o pior é quando eles não fazem absolutamente nada para chegar a esse nível).
Você não é melhor do que ninguém. O seu livro não é melhor do que os dos outros. Da mesma forma, existe espaço para todos.


Não condene o estilo literário alheio. Vamos ter mais classe, ética e educação, aprendendo a respeitar quem se dedica mais do que a gente.

Leo Vieira

Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

segunda-feira, 16 de maio de 2016

Panelinhas Literárias

Patota tem em qualquer lugar. Tinha na nossa época de escola, tem no trabalho, tem na faculdade, tem na igreja, tem na vizinhança, e não poderia ser diferente no meio literário.
É comum ter um grupo especial de amigos que conhecemos e mantemos no meio literário, com blogueiros, revisores, escritores, etc. É muito bom também ser sempre lembrado, principalmente daquele evento literário especial, onde você é primeiramente lembrado para participar. 
O conselho que eu deixo é que fiquem mais atentos quando se sentirem nessa fase. Panelinha é legal, mas deixe a "panela sem tampa".
Isso porque também se perde muita oportunidade quando nos fechamos para novas parcerias e amizades. Às vezes, aquele escritor reservado pode trazer um monte de alunos para o evento e aquela escritora falante representa um número imenso de leitores. Muito se pode compartilhar.
Se algum convidado em potencial tiver um caráter duvidoso, deixe as diferenças de lado e seja cordial. Não impeça uma participação por conta disso. Seja nobre. Todos só têm a ganhar.

Leo Vieira





Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

segunda-feira, 9 de maio de 2016

Leo Vieira: Existe Livro Ruim?

Segundo a Ciência, não existe comprovação para a estética. A ciência não pode explicar o que é feio e o que é bonito. A estética é uma opção pessoal. Desta mesma maneira, o moralismo e o gosto pessoal também não pode ser mensurado cientificamente.
Compreendemos então que não se pode classificar um livro ruim segundo a ciência. Podemos sim julgar um livro pela sua qualidade textual e ortográfica, tornando a leitura incompreensível. Mas julgar pelo fato da história ser simplesmente ruim, irá apenas atrelar a um gosto pessoal.
Nem todo livro é ruim. Talvez ele não faça o seu gênero literário. Há uma frase que diz que não existe piada ruim e sim piada mal contada. Deve-se ter interpretação e eloquência ao contar uma piada. Se você for rápido demais, ninguém entenderá. Se você se estender demais, os ouvintes ficarão dispersos. O pior de tudo é ter que explicar a piada. Daí que perde toda a graça mesmo.
Um livro é uma história que deve ser contada no compasso de uma piada. Ele deve ter uma boa gramática, uma boa "eloquência textual" para que o leitor não se perca no decorrer das páginas e deve fazer o expectador fazer um bom passeio durante a aventura. Resumindo: um escritor deve ser um bom contador de história.

Portanto, não critique um livro somente pelo fato de ser mal contado. Um bom leitor vai além e compreende além da intenção do autor.
Leo Vieira

Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados 

segunda-feira, 2 de maio de 2016

Por Que Não Somos Valorizados?

Você lançou um livro, mas os colegas da rede vivem te pedindo um exemplar grátis ou então você é blogueiro, mas os colegas vivem te pedindo pra revisar textos e fazer marketing virtual gratuito, entre outras coisas. Eventos literários são realizados e você acaba gastando muito mais que o programado.
Isso chega a dar uma amargura e ficamos a pensar no motivo de tantos outros terem dado certo.
Mas daí fica a questão: O que é preciso fazer para ser valorizado?

Não existem regras para isso, a não ser a autodivulgação, que deve ser moderada. Exposição demais causa certa estranheza, como se fosse uma "boemia virtual". Aparecer demais em tudo quanto for evento (inclusive os quais você não foi convidado) pode também desgastar a sua imagem.

Há uma frase que diz que "uma conversa é como uma boa refeição: devemos abandoná-la um pouco antes de nos fartar". O profissional que se expõe demais, também tende a parecer inconveniente. Devemos deixar saudade por onde passarmos e fazer a pessoa desejar o nosso breve retorno.
Quanto ao livro, fazer inúmeras postagens virtuais publicitárias podem causar um efeito negativo. Quem nunca foi banido de uma página ou até bloqueado por um amigo virtual por conta de postagens sequenciais inconvenientes? Para vender é preciso atrair atenção, despertar interesse e desejo do leitor e assim você arremata, retirando prontamente um exemplar de sua mochila e assim fechando a venda. No caso de um blogueiro, um profissional interessado
pesquisará no momento certo a sua biografia e assim fará uma boa proposta de trabalho, a qual você dará um certo tempo para analisar.

Esteja sempre preparado e mantenha sua biografia atualizada.

Leo Vieira


Acompanhe a campanha de incentivo à leitura "Leia + Livros", do Leo Terário.

® Leo Vieira- Direitos Reservados